19 de abril de 2017

HISTÓRIA

A Fundação Ubaldino do Amaral (FUA) foi constituída oficialmente no dia 31 de julho de 1964, dentro da Loja Maçônica Perseverança III, de Sorocaba. Seu nascimento ocorreu em consequência da compra da Editora Cruzeiro do Sul S/A, avalizada pelos seus 21 instituidores. Desde seus primórdios, a FUA trabalha para difundir a filantropia em várias frentes, primando pela prática da assistência social em seus mais variados campos.

O nome do patrono da instituição foi escolhido em homenagem a Ubaldino do Amaral Fontoura (1842-1920), um dos fundadores da Perseverança III e da Estrada de Ferro Sorocabana. Destacado abolicionista, Ubaldino atuou como jornalista em Sorocaba, antes de mudar-se para o Rio de Janeiro. Na então capital federal, exerceu a função de advogado e atuou politicamente, chegando a ser intendente (prefeito) local e senador da República, além de ministro do Supremo Tribunal Federal.